Please use this identifier to cite or link to this item: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1093
metadata.dc.type: Dissertação
Title: COMPETÊNCIA DO ENFERMEIRO PARA A PROMOÇÃO E EDUCAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA
Other Titles: Nursing skills for promotion and education in Family Health
metadata.dc.creator: Amaral, Ionice Maria
metadata.dc.contributor.advisor1: Saupe, Rosita
metadata.dc.contributor.referee1: Benito, Gladys Amelia Vélez
metadata.dc.contributor.referee2: Borba, Amândia Maria de
metadata.dc.contributor.referee3: Wendhausen, águeda Lenita Pereira
metadata.dc.description.resumo: O papel do enfermeiro no transcorrer da historia da humanidade passou por fases distintas, e atualmente esta centrada em um modelo diferente daquele biologicista que caracterizou a maior parte da sua historia. A partir da Reforma Sanitária e com a consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS), a nova forma de pensar a profissão voltou-se para um modelo educativo, que visa a promoção e a manutenção de um estado de saúde e de vida. Estas mudanças vêm exigindo do enfermeiro qualificação e desenvolvimento de novas competências. E esta nova concepção no contexto sanitário requer mudanças na formação dos enfermeiros, o que obriga as escolas a repensarem currículos e práticas pedagógicas, privilegiando o desenvolvimento de conhecimentos, habilidades e atitudes que atendam a esta nova perspectiva profissional voltada para a promoção e educação em saúde. Uma das mais novas estratégias adotadas pelo Ministério da Saúde para a consolidação do SUS é o Programa Saúde da Família (PSF), que vem revolucionando o mercado de trabalho na área da saúde. A partir desta nova realidade, este estudo procurou identificar quais são as competências necessárias ao enfermeiro para o desenvolvimento da promoção e educação em saúde da família, delineando quais conhecimentos, habilidades e atitudes são necessárias ao profissional para atuar neste novo mercado. Este estudo caracteriza-se por uma pesquisa de campo do tipo descritiva. Tendo sido utilizada uma metodologia originaria da University of North Carolina e introduzida no Brasil por Spínola e Pereira em 1976 que tem seu desenvolvimento em etapas distintas resultando na construção de um organograma denominado Diagrama de Arvore. Este diagrama foi elaborado a partir das considerações de três profissionais de referência na área de promoção educação e saúde da família, cabendo a cada um dos experts estabelecer categorias que foram decompostas e hierarquizadas em 82 componentes considerados fundamentais para o desenvolvimento das competências do enfermeiro. Passando ao método do júri, sendo selecionados na condição de juízas cinco enfermeiras possuidoras de conhecimento abrangente na área, que validaram o estudo considerando 97,56% dos componentes do diagrama como sendo de muita importância. Na seqüência, 31 professores do curso de enfermagem da UNIVALI avaliaram todos os componentes do diagrama, apresentando um índice de desempenho de 9,53, que correspondeu à região de sucesso, conforme a escala de conversão utilizada, revelando que as competências apresentadas no estudo identificaram conhecimentos habilidades e atitudes necessárias ao enfermeiro para o desenvolvimento da promoção e educação em saúde da família. Podendo essa pesquisa colaborar no delinear para formação de um profissional capaz de atender as necessidades de recursos humanos habilitados para consolidação do SUS.
Abstract: The role of the nurse throughout the history of mankind has passed through distinct phases, and is currently centered on a model which is different from the biologicist model that prevailed for the greater part of its history. Following the Health Reforms, and the consolidation of the Brazilian national health system - the Sistema Único de Saúde (SUS) - the profession began to be viewed according to an educative model, aimed at promoting and maintaining a state of health and life. These changes have called for qualified nursing professionals and the development of new skills. And this new concept, in the context of sanitation, requires changes in nurses training, forcing schools of nursing to rethink their curricular and teaching practices, promoting the development of knowledge, skills and attitudes which are in line with this new professional perspective, geared towards health promotion and education. One of the most recent strategies adopted by the Ministry of Health for consolidating the SUS is the Programa Saúde Família (Family Health Program) (PSF), which has been revolutionizing the job market in the area of health. Based on this new reality, this study sought to identify the nursing skills required for promotion and education in family health, outlining the necessary knowledge, skills and attitudes for professional practice in this new market. This study is characterized as descriptive field research. It uses a method first created at the University of North Carolina and introduced to Brazil by Spínola and Pereira in 1976, which is implemented in distinct stages, resulting in the construction of an organizational chart known as a Tree Diagram. In this study, the diagram was designed based on the views of three key professionals in the area of promotion and education in family health, with each of the experts establishing categories which were broken down and hierarchized into what were considered to be 82 fundamental components for the development of nursing skills. Next, the jury method was used, selecting as judges, five nurses with broad knowledge in the area, who validated the study by evaluating 97.56% of the components of the diagram as very important. Subsequently, 31 teachers from the nursing program of UNIVALI assessed each component of the diagram, presenting a performance index of 9.53, which corresponded to the range of success, according to the conversion scale used, revealing that the skills presented in the study identify the essential nursing knowledge, skills and attitudes for promotion and education in family health. This research could help to delineate a professional training that is capable of meeting the requirements for skilled human resources, for the consolidation of the SUS.
Keywords: competências
promoção em saúde e educação
saúde da família
enfermagem
skills
health promotion and education
family health
nursing
Familia - Saude e higiene
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Vale do Itajaí
metadata.dc.publisher.initials: UNIVALI
metadata.dc.publisher.department: Saúde da Família
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Saúde e Gestão do Trabalho
Citation: AMARAL, Ionice Maria. Nursing skills for promotion and education in Family Health. 2005. 135 f. Dissertação (Mestrado em Saúde da Família) - Universidade do Vale do Itajaí, Itajaí, 2005.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1093
Issue Date: 22-Feb-2005
Appears in Collections:Importação Nova 20150826 Coleção

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ionice Maria Amaral.pdf820,2 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.