Please use this identifier to cite or link to this item: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1148
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Concepções dos enfermeiros sobre integralidade em saúde no processo de trabalho em uma unidade de emergência
Other Titles: Nurses conceptions of integrality in health in the work process in an emergency unit
metadata.dc.creator: Darolt, Clovis Fernando
metadata.dc.contributor.advisor1: Benito, Gladys Amelia Vélez
metadata.dc.contributor.referee1: Saupe, Rosita
metadata.dc.contributor.referee2: Wosny, Antonio de Miranda
metadata.dc.description.resumo: A integralidade é um dos princípios a sustentar o Sistema Único de Saúde - SUS. Em seu texto constitucional refere-se a um conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos em qualquer nível de complexidade. Trata-se, portanto, do princípio mais abrangente em todas suas dimensões do SUS. O presente estudo objetivou identificar, analisar e compreender as concepções sobre a integralidade no processo de trabalho dos enfermeiros que atuam em uma unidade de emergência. Os sujeitos da pesquisa são todos os enfermeiros que atuam na unidade de emergência de um hospital privadofilantrópico vinculado ao SUS. O estudo utiliza como método para a coleta de dados o Arco da Problematização de Charlez Maguerez desenvolvido por meio de quatro encontros, e para análise dos resultados a abordagem qualitativa. O primeiro encontro teve como proposta o acolhimento do grupo. O segundo contempla a observação dos sujeitos sobre a realidade e o levantamento dos pontos-chave. O terceiro se configura pela teorização/fundamentação dos problemas identificados e o último, se caracteriza pelo levantamento de hipóteses para solucionar o problema. Na análise dos dados surgiram das falas vários sentidos sobre a integralidade: atendimento do ser humano como um todo, ser bio-psico-social; integralidade vista de maneira ampliada sendo a resultante do trabalho interdisciplinar e intersetorial como forma de viabilização de um atendimento que supra todas as necessidades do paciente em todos os níveis de assistência.. Embora a prática desses profissionais ainda receba forte influência do modelo biologicista, os atores pesquisados identificam aspectos voltados para a incorporação da integralidade na assistência prestada, utilizando o sistema de referência e contra-referência dos pacientes; procurando prestar um atendimento integral; interdisciplinar e intersetorial. Ao finalizar as personagens relataram satisfação em ter participado do estudo verbalizando que os encontros permitiram além da troca de experiência, refletir sobre a prática de enfermagem e re-significar saberes que podem trazer mudanças em seus comportamentos e atos no processo de trabalho
Abstract: Integrality is one of the principles that sustain the Sistema Único de Saúde (SUS), the Brazilian national health system. Its constitutional text refers to an articulate, continuous set of preventive and curative actions and services, both individual and collective, at any level of complexity. It is the widest ranging principle in all the dimensions of the SUS. The objective of this study is to identify, analyze and understand the concepts of integrality in the work process of nurses working in an emergency unit. The subjects of the research are all the nurses working at the emergency unit of a private philanthropic hospital linked to the SUS. The study uses Charles Maguerez s Problematics Arch as the data collection method, developed over four encounters, and a qualitative approach for the data analysis. The first meeting was for the purpose of the welcoming the group. The second meeting considered the subjects observation of reality and raised some key issues. The third encounter focused on the theories and bases of the issues raised, and the last encounter was characterized by the raising of hypotheses to solve the problem. In the data analysis, several meanings emerged from the speeches about integrality: service to the human being as a whole and as a bio-psycho-social being, with integrality being broadly perceived as the result of interdisciplinary and intersectorial work and as a means of giving the patient services that will cater for all his needs. Despite the fact that the practice of this professional group is still strongly influenced by the biological model, the research identified aspects that tend to incorporate integrality in the services provided, using a system of referencing and crossreferencing the patients, with the aim of providing an integral, interdisciplinary and intersectorial service. The study group pointed out their satisfaction at having participated in the study, saying the encounters allowed them to exchange experiences and to reflect on the practice of nursing and the re-signification of knowledge that might bring changes to their behaviour and practice in the work process
Keywords: enfermeiro
integralidade
processo de trabalho em saúde
nurse
integrality
the work process in health.
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::SAUDE PUBLICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Vale do Itajaí
metadata.dc.publisher.initials: UNIVALI
metadata.dc.publisher.department: Saúde da Família
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Saúde e Gestão do Trabalho
Citation: DAROLT, Clovis Fernando. Nurses conceptions of integrality in health in the work process in an emergency unit. 2007. 102 f. Dissertação (Mestrado em Saúde da Família) - Universidade do Vale do Itajaí, Itajaí, 2007.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1148
Issue Date: 19-Dec-2007
Appears in Collections:Importação Nova 20150826 Coleção

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Clovis Fernando Darolt.pdf344,2 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.