Please use this identifier to cite or link to this item: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1360
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Autonomia municipal e participação popular no processo de planejamento e gestão do turismo em cidades pequenas: um estudo de Balneário Barra do Sul - SC
metadata.dc.creator: Joris, Suelin
metadata.dc.contributor.advisor1: Anjos, Francisco Antonio dos
metadata.dc.description.resumo: Um dos maiores desafios do turismo em cidades pequenas na realidade de atuação primária é incorporar o conceito de planejamento e gestão como categoria para identificação de necessidades e organização das práticas turísticas, sobretudo as relacionadas a articulação de todos os atores locais na perspectiva de maior integridade e sustentabilidade local. A incorporação da forma articulada e autônoma na promoção do turismo local, pode contribuir para a melhoria no planejamento e gestão das mesmas, na medida em que amplia o objeto para as necessidades dos grupos, contribuindo na superação das diferenças culturais e da sazonalidade ocasionadas pelo turismo. Assim torna-se necessário reconhecer as práticas e concepções do turismo de base comunitária em sua forma articuladora e autônoma inseridos na atenção primária das cidades pequenas. Este estudo investigou a iniciativa da autonomia municipal e a participação comunitária no processo de planejamento e gestão do turismo em cidades pequenas, tendo como estudo de caso Balneário Barra do Sul SC. Foi desenvolvida uma pesquisa qualitativa fundamentada no discurso do sujeito coletivo com suporte na dialética a partir da análise bibliográfica e entrevistas semiestruturadas com atores locais do estudo de caso. A análise bibliográfica incidiu sobre três palavras chaves, autonomia municipal, participação popular e turismo de base comunitária, no qual foi realizado um levantamento sobre os principais focos de ação referente ao assunto. As entrevistas e questionário semiestruturados foram realizadas com atores públicos, privados e comunitários ligados ao turismo de Balneário Barra do Sul SC, sistematizadas a partir do método do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC) e analisadas por meio do referencial da dialética. Os resultados da análise bibliográfica indicam uma importância maior sobre a atuação do turismo de base comunitária em pequenas comunidades ou grupos de famílias. A análise das entrevistas indica que o conceito de autonomia e participação é traduzido por ações individualistas de grupos específicos e a transformação de estilos de vida local. Esta indefinição e o constante conflito de interesses dos atores locais acarreta outras dificuldades para avaliação e superação de problemas, restringindo o alcance de todos no planejamento e gestão participativa do turismo local. As práticas e tentativas de articulação relatadas são estruturadas a partir dos programas e planos voltados para ações de imediatismo preconizados pelo poder público local. No entanto, a estruturação de ações direcionadas ao conceito ampliado na promoção articulada e autônoma deveria contemplar ações intersertoriais e grupais voltadas para o comportamento grupal, bem como o fortalecimento do indivíduo como ator social. Conclui-se que a organização das ações em turismo no município em questão ou utilizando do caso de cidades pequenas se aproxima da concepção do modelo tradicional de Turismo de Base Comunitária, na qual a origem dos problemas são hábitos e estilos de vida incorretos ocasionados pelos conflitos de interesse entre a comunidade. Porém, ao incorporarmos a categoria de planejamento e gestão de forma participativa e autônoma visando o bem estar da população, poderia ter seu eixo modificado para a perspectiva promocional de um turismo de divisas e de sustentabilidade, sem excluir a atenção individual e grupal, de modo que a comunidade seja vista e inserida em um ambiente comunitário e atuante
Abstract: One of the biggest challenges facing tourism in small towns is to incorporate the concept of planning and management as a category for identifying the needs and organization of tourism practices, particularly those related to collaboration between the local actors, within the perspective of greater integrity and local sustainability. The incorporation of a collaborative and autonomous mode to the promotion of local tourism can contribute to improving the planning and management of tourism in small towns, in that it widens the object for the needs of the groups, contributing to overcoming the cultural differences and seasonality brought by tourism. Thus, it becomes necessary to recognize the practices and concepts of community-based tourism in its collaborative and autonomous form, as the main focus of small towns. This study investigates the initiative of the municipal autonomy, and community participation in the process of planning and managing tourism in small towns, taking the town of Balneário Barra do Sul SC as a case study. A qualitative study was carried out, based on the discourse of the collective subject, supported by the dialectic, a literature review and semi-structured interviews with local actors in the case study. The literature review covered the topics of municipal autonomy, popular participation and community-based tourism, in which the main focuses of action relating to the subject were investigated. Interviews and semi-structured questionnaire were applied to the public, private and community actors linked to tourism in Balneário Barra do Sul SC, systematized by the method of Discourse of the Collective Subject (DCS) and analyzed by means of the dialectic framework. The results of the literature review indicate greater importance of the action of community-based tourism in small communities or family groups. The analysis of the interviews indicates that the concept of autonomy and participation is translated by individualist actions of specific groups and the transformation of local lifestyles. This lack of definition, and the constant conflicts of interest between the local actors, leads to other difficulties for evaluating and overcoming the problems, restricting the scope of all in the participative planning and management of local tourism. The practices and attempts at collaborative practices reported are structured around programs and plans geared towards short-sighted actions, recommended by the local public authority. However, the structuring of actions focused on the wider concept in the collaborative and autonomous promotion, should include inter-sector and group actions aimed at changing group behavior, as well as strengthening the individual as a social actor. It is concluded that the organization of actions in tourism, in the town in question, or using the case of small towns, is close to the concept of the traditional model of Community-Based Tourism, in which the origin of the problems are incorrect habits and lifestyles brought about by conflicts of interest within the community. By incorporating the category of planning and management in a participatory and autonomous way, seeking the well-being of the population, it could then be modified from the perspective of promoting a tourism aimed at income and sustainability, without excluding individual and group attention, so that the community is seen and inserted in a community and pro-active environment
Keywords: autonomia municipal
Balneário Barra do Sul
cidades pequenas
planejamento e gestão participativo
turismo de base comunitária
municipal autonomy
Balneário Barra do Sul
small towns
participative planning and management
community based tourism
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::TURISMO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Vale do Itajaí
metadata.dc.publisher.initials: UNIVALI
metadata.dc.publisher.department: Planejamento e Gestão do Turismo e da Hotelaria
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Turismo e Hotelaria
Citation: JORIS, Suelin. Autonomia municipal e participação popular no processo de planejamento e gestão do turismo em cidades pequenas: um estudo de Balneário Barra do Sul - SC. 2010. 154 f. Dissertação (Mestrado em Planejamento e Gestão do Turismo e da Hotelaria) - Universidade do Vale do Itajaí, Balneário Camboriú, 2010.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1360
Issue Date: 16-Apr-2010
Appears in Collections:Importação Nova 20150826 Coleção

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Suelin Joris.pdf1,69 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.