Please use this identifier to cite or link to this item: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1371
metadata.dc.type: Dissertação
Title: A PRODUÇÃO DE VINHOS FINOS DE ALTITUDE NA REGIÃO VITIVINÍCOLA DE SÃO JOAQUIM (SC): UMA ALTERNATIVA PARA O TURISMO?
Other Titles: The production of fine wines from the wine growing region of São Joaquim (SC): an alternative for tourism?
metadata.dc.creator: Losso, Flavia Baratieri
metadata.dc.contributor.advisor1: Pereira, Raquel Maria Fontes do Amaral
metadata.dc.contributor.referee1: Bastos, José Messias
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho analisa a introdução do cultivo da uva e o desenvolvimento da produção de vinho na região vitivinícola de São Joaquim (SC), como alternativa para a prática do enoturismo. O Planalto Catarinense detém uma expectativa altamente positiva no que se refere à vitivinicultura no estado e, apesar de diversos municípios produzirem uva e vinhos finos, a pesquisa concentrou-se na região vitivinícola de São Joaquim, constituída particularmente pelos municípios de Bom Retiro, São Joaquim, Urubici e Urupema, onde existem empresas vitivinícolas produtoras de vinhos finos de altitude lançados no mercado, a exemplo da Villa Francioni e da Quinta da Neve. A área objeto da pesquisa inclui também o território dos municípios de Bom Jardim da Serra e Lages, tendo em vista o seu significado para o desenvolvimento de atividades ligadas ao turismo nessa região. A operacionalização da pesquisa impôs a definição de um referencial teórico capaz de permitir a sua caracterização desde as suas origens até a atualidade, identificando os principais condicionantes naturais e humanos que, ao longo do tempo, foram responsáveis pela evolução sócio-econômica regional, na qual vem se destacando, nos últimos anos, a produção de vinhos finos de altitude e a prática do enoturismo. Como base teórica fundamental para o estudo foi utilizada a categoria de Formação Sócio-Espacial, formulada por Milton Santos (1977), aliada às idéias de A. Cholley (1964) que sugerem considerar, na análise do espaço geográfico, o modo como se combinam, ao longo do tempo, os elementos físicos, biológicos e humanos, o que permitiu apreender as múltiplas determinações definidoras da área enfocada, representada pela região vitivinícola de São Joaquim (SC). O interesse pela vitivinicultura de altitude, suas origens, sua evolução e o seu panorama atual em Santa Catarina, justifica-se enquanto um novo potencial a ser explorado pelo turismo, tendo em vista as características paisagísticas singulares das áreas produtoras, bem como os novos parâmetros de articulação dos recursos disponíveis e as estratégias de competitividade que tem afetado o mercado global e nacional de vinhos, no que se refere à produção, comercialização e ao consumo, o que poderá favorecer a inserção de novos produtos e de novas regiões produtoras. Nesse cenário, a vitivinicultura da região de São Joaquim desponta como uma atividade promissora que, aliada ao desenvolvimento do enoturismo, poderá representar uma nova alternativa econômica para a região
Abstract: This study analyses the introduction of grape cultivation and the development of viniculture in the wine growing region of São Joaquim, in the Brazilian State of Santa Catarina, as an alternative for the practice of wine tourism. Southern Brazil has highly positive expectations related to wine growing in the state, and although various municipalities produce grapes and fine wines, this research focuses on the wine growing region of São Joaquim, which is made up of the municipalities of Bom Retiro, São Joaquim, Urubici and Urupema, and which has wine companies that produce fine, high-altitude wines, sold on the market, such as Villa Francioni and Quinta da Neve. The study area also includes the municipalities of Bom Jardim da Serra and Lages, due to their significance for the development of tourism activities in the region. The implementation of the research required the definition of a theoretical framework that would enable an understanding of its characterization, from its origins through to the present, identifying the main factors, both natural and human, that over time, have led to the social and economic development of the region, in which the production of fine high-altitude wines and the practice of wine tourism have become major industries in recent years. As a fundamental theoretical basis for the study, the category of Socio-Spatial Training formulated by Milton Santos (1977) was used, together with the ideas of A. Cholley (1964), which suggest considering, in the analysis of geographical space, the way in which the physical, biological and human elements combine over time, enabling the multiple factors that led to the target area represented by the wine region of São Joaquim (SC) to be determined. The interest in high-altitude wine growing, its origins, its development, and the current panorama in the State of Santa Catarina, is justified as a new potential to be explored by tourism, bearing in mind the unique features of the natural landscapes in the wine growing regions, and the new parameters for coordinating the available resources and strategies of competitiveness that have affected the global and national wine market in the areas of production, marketing and consumption, which may favor the inclusion of new products and new wine growing regions. In this scenario, the viniculture region of San Joaquin is emerging as a promising activity which, together with the development of wine tourism, offers a new economic alternative for the region
Keywords: formação sócio-espacial
combinações geográficas
região de São Joaquim
vitivinicultura de altitude
enoturismo
socio-spatial formation
geographic combinations
region of São Joaquim
altitude viniculture
wine tourism
Vinho e vinificação - São Joaquim
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::TURISMO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Vale do Itajaí
metadata.dc.publisher.initials: UNIVALI
metadata.dc.publisher.department: Planejamento e Gestão do Turismo e da Hotelaria
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Turismo e Hotelaria
Citation: LOSSO, Flavia Baratieri. The production of fine wines from the wine growing region of São Joaquim (SC): an alternative for tourism?. 2010. 206 f. Dissertação (Mestrado em Planejamento e Gestão do Turismo e da Hotelaria) - Universidade do Vale do Itajaí, Balneário Camboriú, 2010.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1371
Issue Date: 20-Dec-2010
Appears in Collections:Importação Nova 20150826 Coleção

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Flavia Baratieri Losso.pdf5,98 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.