Please use this identifier to cite or link to this item: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1714
metadata.dc.type: Dissertação
Title: A PRODUÇÃO DE TEXTO NA PRESENÇA E NA AUSÊNCIA DO PROFESSOR
metadata.dc.creator: Martins, Lucíula Vequi
metadata.dc.contributor.advisor1: Luna, José Marcelo Freitas de
metadata.dc.contributor.referee1: Heinig, Otilia Lizete de Oliveira Martins
metadata.dc.contributor.referee2: Volpato, Arceloni Neusa
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho comparou dois métodos de produção textual: um que visava à preparação para o vestibular, desenvolvido através do segmento denominado Central de Redação (CR), e outro preocupado com o desenvolvimento de diferentes habilidades textuais dos alunos, desenvolvido e acompanhado exclusivamente pelo professor. Essa investigação realizou-se com base na experiência de uma turma de 2º ano do Ensino Médio de uma instituição de ensino da Rede Privada. Com tal análise, a pesquisadora procurou perceber se os modos como a produção textual está sendo trabalhada trazem realmente alguma contribuição à desenvoltura argumentativa do aluno na construção de seus textos ou se apenas fazem com que este reproduza discursos prontos para satisfazer a um avaliador. A pesquisadora reconheceu, através de levantamento bibliográfico, as diferentes teorias de análise e de produção textuais; identificou o modo como se trabalha a produção de texto pela Central de Redação, considerando o gênero e a prática de aplicação dos textos; refletiu sobre as implicações pedagógicas da prática investigada; e confrontou duas estratégias relacionadas à produção de texto, identificando aspectos positivos e negativos no resultado final dos textos, principalmente quanto à subjetividade explicitada nos mesmos. Depois de se seguir a metodologia indicada para a realização deste trabalho, percebeu-se que os alunos tiveram a intenção de agradar o corretor, especialmente ao produzirem seus textos com o acompanhamento da CR, mas sua produção escrita não foi tão funcional quanto se supunha quando acompanhada exclusivamente pelo professor. Apesar de se encontrarem finalidades formais e funcionais nas produções conduzidas exclusivamente pelo professor, os alunos, como sugerido pelas hipóteses, demonstraram maior habilidade argumentativa nesse método. A importância deste estudo está relacionada, então, a conhecer estratégias de produção textual, para que se possa perceber como este exercício está se desenvolvendo e se consegue atingir os objetivos descritos pelas correntes teóricas em voga.
Keywords: produção textual
métodos
subjetividade
text production
methods
subjectivity
Lingüística
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Vale do Itajaí
metadata.dc.publisher.initials: UNIVALI
metadata.dc.publisher.department: Educação
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Educação
Citation: MARTINS, Lucíula Vequi. A PRODUÇÃO DE TEXTO NA PRESENÇA E NA AUSÊNCIA DO PROFESSOR. 2006. 73 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade do Vale do Itajaí, Itajaí, 2006.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1714
Issue Date: 22-Aug-2006
Appears in Collections:Importação Nova 20150826 Coleção

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luciula Vequi Martins.pdf593,34 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.